rolfmuller
News

badge

%AVATAR%

%LOGIN% %TIMESTAMP%

%COMMENT%

rolfmuller

6/22/17, 8:39 AM | 2 Views

Arte em Mendoza

Empoderamento é uma palavra extremamente nociva

 

De uns tempos para cá, sofremos um verdadeiro fascismo linguistico. Ora condenam palavras por serem consideradas “politicamente incorretas”, ora “instalam” palavras de modismo que deveriam ser usadas no dia a dia. Não se usa mais a palavra GUERRA na mídia e sim “conflito armado”, até parece que isso mudou a cruel realidade. O negro passou a ser “afro-decente” (que é uma discriminação muito maior, porque se desconsidera a riqueza das diferenças de traços físicos e culturas do continente africano), “fat” (gordo) é chamado de “over-weighted” (sobre-peso), além de não emagrecer o gordo, nem o tornam mais saudável e muito menos o fazem ter mais auto-estima.

 

Paralelamente se instalou palavras de modismo como investimento (ao invés de preço), consultoria, palestras motivacionais, empoderamento, etc.
A maioria parece ter perdido a capacidade de se aprofundar e assim não compreende mais o que realmente está falando. Parece piada até: se uma garota de programa fala em investimento ao invés de preço, eu me pergunto de que forma exatemente esse dinheiro vai render. Você acha que um funcionário preguiçoso, desestimulado ou desmotivado pelas más condições de trabalho vai ser mudado da água para o vinho por conta de um palestrante? Muitos desses palestrantes conhecidos são totalmente hipócritas porque sequer aplicam na própria vida aquilo que pregam em público. Não passa de um faz de conta.

 

A palavra poder vem do latim “potere”, que pode ser traduzido como “capaz de algo”. Na atualmente seu significado mudou bastante:
- capicidade de deliberar ARBITRARIAMENTE,

- agir e mandar

- exercer autoridade.

Essa palavra é bastante associada a domínio, força e até violência, tendo em vista quantos abusos são cometidos. Infelizmente a história mostra, que a maioria esmagadora abusa do poder que recebe.

 

Surgiu uma nova palavra de moda: “empoderamento”, que seria seria “conceder ou conseguir poder”. Ele em teoria é dado para pessoas ou grupos que são considerados vítimas da sociedade. Digo em teoria, porque na realidade isso não passa de falácia. Ora, como isso é considerado positivo? Se eu tenho poder sobre a tua vida, significa que não vivemos uma harmonia e sim uma ditadura, onde um manda e o outro obedece. Muitas das vezes isso é feito de maneira bastante camuflado, através da manipulação.

 

Um líder nato não precisa receber autoridade, ele seduz pelo carisma e pela capacidade intelectual. Um desses exemplos foi Jesus. Qual seria o efeito, se Jesus fosse “empoderado”? Ele seria capaz de se tornar referência da humanidade? Certamente não.

 

Todas as pessoas que foram “empoderadas” foram uma verdadeira tragédia: o ditador e a maioria das elites não tem força moral, pelo contrário, não tem escrúpulos. Não tenho nenhuma dúvida que de que somos regidos por sociopatas e psicopatas, por sua ausência de uma consciência mais elevada, eles se “empoderaram” ou foram “empoderados” e a história mostra o quanto desastrosos isso se revelou para a humanidade.

Como se pode glamourizar uma palavra tão deletéria? Eu quero te fazer pensar, não vou te apresentar os possíveis motivos que existem por trás. Mas algo é certo: sempre que algo viraliza hoje, isso não é fruto do acaso. Quem ainda acredita nisso, é no mínimo muito ingênuo. Somente porque você não acredita que possam existir mente diabólicas que organizam e instalam ditaduras aos poucos, não quer dizer que elas não existem.

 

Este sim conspiram e não aqueles que os desmascaram e por isso são ridicularizados através de expressões de combate como “teoria de conspiração”. Empoderamento definitivamente não é algo positivo e isso se aplica para todo movimento ou qualquer indivíduo. Uma pessoa que tem carisma, argumentos e moral não precisa receber poder artificialmente constituído. Pessoas como Gandhi não queriam poder para usar em benefício próprio ou tirar proveito financeiro. Elas tinha apenas um idealismo inquebrantável que não recuou nem diante de ameaças.

 

Eu considerado a palavra “empoderamento” – além de uma grande babaquice – apenas mais um início de derrota para a humanidade.

 

 

Assine o Meadd

Fotos ilimitadas

rolfmuller won't let you see the comments on this photo.

Just who has an account on meadd can comment.

Special
Links