oamoremsi
oamoremsi

%AVATAR%

%LOGIN% %TIMESTAMP%

%COMMENT%

21 de setembro de 2011 às 08:50 40 views

- Estranhos. Era assim que os dias estavam sendo; uma certa bipolaridade dominava, não só o cérebro, mas também o coração. Os caminhos eram largos, e ao mesmo tempo estreitos, como se ir não tivesse sentido, e ficar também não. Aquela estranha loucura dominava-a, era como se fosse um caminho carregado de dúvidas e ao mesmo tempo de certezas. Alguém um dia, disse que o sofrimento fazia bem, mas, como saber? Todos evitavam a tristeza, mas, viviam de mãos dadas com ela. Todos queriam sorrir, mas, ficavam parados quando era preciso fazer esforço para colher risos. Chegara a pensar, uma ou duas vezes, que bom mesmo era manter a cabeça firme no lugar, mas, deixar o coração escapar vez em quando; voar com as borboletas, dançar com a lua, cantar com a chuva e rir do vento. Continuou pensando, antes que o sol chegasse e derretesse tudo; era como iludir-se para rir. E aquilo realmente fazia bem.

Subscriptions with local payment methods

Unlimited photos

Subscribe to Meadd