dulce
dulce

News

Carreira

1990–2003: Início de carreira e Clase 406

Aos 5 anos de idade, realizou seu primeiro comercial, sendo um comercial de chocolate na televisão, depois de que suas irmãs, que já realizavam este tipo de campanhas, recomendaram a sua mãe levar fotos de Dulce María. Era o início de uma carreira infantil com mais de cem campanhas publicitárias realizadas pela pequena. Depois de um ano de centenas campanhas, realiza um casting onde é selecionada para atuar em uma novela chamada El Vuelo del Águila (1994), para depois ser elegida para fazer por dois anos o programa infantil Plaza Sésamo (1993-1995), projeto que lhe deu pela primeira vez a oportunidade de cantar profissionalmente, entrar em um estúdio de gravação e se apaixonar pela música desde muita pouca idade. Seguiu fazendo novelas e comerciais, mas se preparando com aulas de canto, bale, jazz, oficinas de atuação, hawaiano e projeção cênica, para mais tarde entrar ao grupo Kids aonde ganhou prêmios e pisou pela primeira vez em um palco. Embora Dulce María continuava seus estudos, tudo isso levou a convencer que sua verdadeira vocação era a arte.

Em 1995, fez uma pequena participação na novela Alondra e logo em seguida participou da primeira fase da novela Retrato de Familia como Elvira. Ainda integrou o elenco das novela Infierno en el Paraíso (1997), Huracán (1998), Nunca Te Olvidaré (1999) e DKDA: Sueños de Juventud (1999). Dado o desempenho de Dulce María no grupo Kids e seus resultados, foi chamada para fazer um teste para integrar o grupo Jeans, aonde ficou e se uniram rapidamente com todas as integrantes e juntas viajaram a Europa para gravar o álbum Cuarto Para las Cuatro e Dulce María escutou pela primeira vez sua voz nas rádios, essa experiência aos 15 anos de idade.

Em paralelo com o grupo, a atriz fez parte da novela juvenil Primer Amor (2000), junto com Anahí e Ana Layevska. Dulce María se sentia "ter algo pendente" dentro da atuação e decide sair do grupo Jeans para aproveitar a primeira proposta para realizar um papel protagonista em telenovelas com Clase 406 (2002-2003), para depois, com o grupo musical deste projeto, ser homenageado por suas altas vendas. Foi neste momento em que Dulce María começou a compor e se visualizou gravando um disco em solitário.

2004–2008: RBD

Ao ver seu trabalho em Clase 406, Pedro Damián a convida para realizar provas e oficinas por cerca de dois meses para Rebelde (2004-2006) e decide que Dulce María interpretará Roberta Pardo, uma das protagonistas. Produto desse projeto, Dulce María forma parte do projeto musical RBD, o qual se converteu em um fenômeno artístico e social a nível mundial, lotando em seus shows estádios como o Santiago Bernabeu em Madrid e o Maracanã no Rio de Janeiro e se apresentando em outros países que não falam espanhol.

A RBD foi composta por Dulce María, Anahí, Maite Perroni, Alfonso Herrera, Christian Chávez e Christopher Uckermann. Junto ao RBD, Dulce grava vários discos, entre eles Rebelde, em 2004, Tour Generación RBD en vivo, Nuestro Amor, em 2005 e Celestial, em 2006. Ainda em 2006, lançam outra produção ao vivo: Live in Hollywood e, no mesmo ano, a primeira produção em inglês: Rebels. Já em 2007, lançam Live in Rio e Hecho en España, outras produções ao vivo; e Empezar Desde Cero. O grupo torna-se um fenômeno mundial e alcança vários prêmios, entre eles Premios Juventud, Billboard Latin Music Awards, Premio Lo Nuestro, Prêmios Oye, Orgullosamente Latino e outros mais, além de duas indicações ao Grammy Latino. Com a RBD, Dulce consegue diversos discos de platina e de ouro e realiza turnês em vários lugares do mundo, sendo um dos acontecimentos mais importantes da música mexicana das últimas décadas. Dulce María conhece mais de 23 países, canta em mais de 116 cidades, vende mais de 15 milhões de discos, 4 milhões de DVDs, além dos 17 milhões de downloads na internet, sem contar sua versão da famosa boneca Barbie.

Em 2007, o sexteto apresenta a série RBD, La Família, que trata de mostrar como o grupo é na vida real, com situações parecidas com a vida que levam, para que os fãs tenham uma ideia de como é o RBD atrás dos bastidores, não se trata de um reality show, tudo o que ocorre na série é ficção. Dulce foi responsável pelo tema oficial da série: "Quiero Poder", presente na trilha sonora da série. Junto ao RBD, faz uma participação especial na novela Lola... Érase Una Vez! (2007).

Ainda em 2008, faz sua estreia solo em um dueto realizado com o cantor Tiziano Ferro e Anahí na canção "El Regalo Más Grande", alcançando o segundo lugar na parada italiana. A canção faz parte do álbum Alla Mia Età (2008) de Ferro.

Em 15 de agosto de 2008, após quatro anos de êxito, o grupo RBD anuncia sua separação e realiza uma turnê mundial de despedida chamada Gira del Adiós World Tour, que passa por toda América Latina e Europa. No ano seguinte lançam, então, o último álbum de estúdio Para Olvidarte De Mí e o DVD Tour do Adeus, gravado em São Paulo durante a turnê de despedida.

2009–2012: Verano de Amor e Extranjera

Em 2009 foi convidada novamente por Pedro Damián para protagonizar a novela Verano de Amor, interpretando Miranda. Dulce também gravou o tema oficial de abertura da primeira temporada da novela, "El Verano", e logo após o tema da segunda temporada, "Déjame Ser", ambos escritos por ela. Ainda em 2009, Dulce fez também um dueto com o cantor Akon, com a canção "Beautiful", que foi regravada com Dulce María para a versão latina.

Em 2010 começou a filmar o filme chileno ¿Alguien ha visto a Lupita? de Gonzalo Justiniano, interpretando a protagonista Lupita. O filme estreou em 2012 sendo elogiado pela crítica e exibido em diversos festivais internacionais, recebendo prêmios no Festival de Cinema de Lima e Festival Internacional de Cinema de Montreal. Na televisão participou da terceira temporada do seriado mexicano Mujeres Asesinas, interpretando Eliana, sucesso principalmente no México e Estados Unidos. O episódio ganhou grande repercussão de imprensa, crítica e público porque exibiu um beijo lésbico entre Dulce e a atriz Fernanda Castillo. As duas foram muito elogiadas por suas atuações e por aceitarem este desafio. No entanto, ao ser exibido pela Televisa, o capítulo sofreu forte censura e apenas foi disponibilizado sem cortes na internet e em DVD. Em 2017 a Televisa reprisou a série e o capítulo foi exibido sem cortes.

No final de 2010, Dulce lançou seu primeiro EP, Extranjera: Primeira Parte que contém 7 faixas: "Inevitable", "Luna", "No Se Parece", "Vacaciones", "Ingenua", "El Hechizo" e "Extranjera". Deu início também em seu projeto Dulce Amanecer, que trata de uma fundação criada por ela para várias causas, desde crianças carentes, mulheres indígenas, causas ambientalistas e etc. utilizando objetos próprios dela, fazendo rifas para arrecadar fundos visando uma base para a fundação. O projeto tem recebido apoio de fãs e pessoas de diversos países e tem conseguido resultados satisfatórios.

Em 2011, Dulce lançou a segunda parte do disco Extranjera, que conseguiu disco de platina no Brasil. No mesmo ano deu inicío a sua primeira turnê solo, intitulada Extranjera On Tour, que passou pelos Estados Unidos, México, Colômbia, Chile, Argentina, Venezuela e encerrando no Brasil. Em outubro, Dulce retornou ao Brasil para participar da premiação Meus Prêmios Nick, onde esteve nomeada na categoria "Artista Internacional", na qual saiu ganhadora. Além do prêmio, Dulce recebeu o certificado de Disco de Platina pelo seu primeiro disco Extranjera sendo a primeira cantora mexicana a receber esse certificado no Brasil.

Em 2012 lançou um extended play (EP) com cinco canções, entre elas um remix de "Inevitable", com a participação de Juan Magán e uma regravação de "Se Como Duele", original da cantora Karina. Dulce foi convidada pela Rede Record para fazer uma participação especial de 5 capítulos na versão brasileira de Rebelde, onde interpretou ela mesma.

Ela também ficou a cargo do tema principal da telenovela juvenil Último Año da MTV, "Es Un Drama". Ainda em 2012, Dulce María voltou ao Brasil e se despediu oficialmente do seu primeiro trabalho solo, fechando com chave de ouro uma turnê exclusiva em Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo.

2013–2016: Sin Fronteras e Corazón Que Miente

Em 2013, anunciou que iria lançar um novo álbum de estúdio cujo nome, Sin Fronteras, foi escolhido a partir de indicações de seus fãs através das redes sociais. O primeiro single foi lançado no dia 5 de setembro de 2013, intitulado "Lágrimas" e é um dueto com o cantor Julión Álvarez. Apesar de não ter sido muito bem aceito pelo público, o novo ritmo apostado pela cantora reinou em metade das faixas do seu álbum.

Ainda em 2013 viajou para a República Dominicana para gravar o filme Quiero Ser Fiel e foi convidada pela produtora Rosy Ocampo para uma participação especial na reta final da novela Mentir Para Vivir, como a personagem Joaquina Barragán.

Em 2014, mais precisamente em 7 de janeiro, Dulce já começou o ano com pé direito e lança o segundo single do álbum, dessa vez, o single é "Antes Que Ver El Sol" cover do cantor Coti. O lançamento do vídeo musical foi em 10 de fevereiro e dessa vez teve uma versão exclusiva para os brasileiros com a participação da cantora Manu Gavassi. Em 8 de abril, foi lançado o álbum Sin Fronteras, segundo álbum de estúdio de Dulce Maria. Logo após o lançamento do álbum, a cantora lançou o terceiro single do álbum: "O Lo Haces Tú O Lo Hago Yo". Em 26 de julho, Dulce deu início a sua segunda turnê, Sin Fronteras On Tour para a divulgação do seu segundo trabalho discográfico. A turnê passou pela Espanha, México, Brasil, Argentina e Chile. A turnê teve fim no 26 de dezembro de 2015, em Chilpancingo, México.

Em junho, Dulce foi anunciada como protagonista do musical La Era del Rock, peça baseada no musical da Broadway Rock of Ages. A peça iniciou-se em outubro e Dulce permaneceu até 25 de janeiro de 2015, onde se apresentou na cidade de Puebla.

Em setembro deu início o reality musical Va Por Ti exibido nos Estados Unidos pela Univisión que buscava uma nova grande estrela da música latina, onde Dulce era a capitã de uma das equipes.

Em dezembro de 2015, começou a filmar a novela mexicana Corazón Que Miente como a antagonista Renata. Em 8 de fevereiro de 2016 a novela começou a ser exibida no México pelo Canal de las Estrellas. Dulce ainda interpretou o tema de encerramento, "Dejarte de Amar", que mais tarde foi incluído no seu terceiro disco. A novela chegou ao fim em 14 de maio e Dulce começou a trabalhar na gravação do seu terceiro disco como solista.

Em 29 de abril de 2016, lançou "No Sé Llorar" como primeiro single do seu próximo disco, recebendo críticas positivas sobre a maturidade presente no tema em conjunto com a evolução vocal e musical da intérprete em relação aos seus trabalhos anteriores. No México, a música alcançou a décima posição entre as canções pop mais tocadas no Monitor Latino. Em agosto, se apresentou na sétima edição dos Kids Choice Awards México com a canção "No Sé Llorar" e levou para casa o prêmio de Artista Nacional Favorito. Em 23 de setembro, lançou o segundo single "Volvamos", uma parceria com o cantor Joey Montana. A canção foi um sucesso logo no seu lançamento, atingiu o primeiro lugar no iTunes de 13 países se tornando a canção de uma artista mexicana a atingir a maior quantidade de primeiros lugares. "Volvamos" atingiu o 5º lugar nas músicas pop mais tocadas no México e o 7º lugar nas com mais audiência. A canção atingiu também o 9º lugar nas músicas pop mais tocadas no Equador e o 4º lugar nas músicas pop mais tocadas no Panamá.

Em novembro teve a estreia do programa El Mejor Amigo del Hombre ao qual Dulce foi a narradora, exibido na América Latina e no mercado hispânico dos Estados Unidos através dos canais Discovery Channel e Animal Planet, a série investigava como o homem e os cachorros conseguiram construir um relacionamento amigável que remonta muitos anos. Em dezembro começou as gravações do filme Más allá de la Herencia en Cancún, onde interpreta uma das protagonistas.

2017–presente: DM e Muy Padres

No dia 3 de março de 2017, uma semana antes do lançamento do seu terceiro álbum, lançou a terceira música de trabalho, "Rompecorazones", alcançando o topo do iTunes de quatro países. Em 10 de março foi lançado seu terceiro disco como solista, chamado DM, contendo quatro composições suas e sendo elogiado pelo público e pela crítica pelo seu amadurecimento como artista. Ainda em março deu início no México a sua terceira turnê, a DM World Tour, pela primeira vez cantando no Teatro Metropolitan como solista, durante o show foi filmado o vídeo musical da canção "Rompecorazones". A turnê visitou diversas cidades do México, Brasil, Espanha e Colômbia.

Após mais de 20 anos de contrato, em julho de 2017, a atriz e cantora sai da emissora Televisa e assina contrato com a emissora Imagen Televisión para protagonizar uma produção original do canal. Em 17 de julho a Imagen Televisión anunciou o projeto ao qual Dulce foi contratada, se trata da novela Muy Padres onde ela interpreta a protagonista, Pamela. Dulce foi a encarregada de cantar a música de abertura da novela, chamada "Borrón y Cuenta Nueva", além de ter sido uma das compositoras do tema. A canção foi lançada oficialmente nas plataformas digitais em 20 de outubro.

Em novembro de 2017, Dulce foi reconhecida por seus 27 anos de carreira artística com o "Premio Arlequín", um prêmio dado as personalidades mexicanas para promover, reconhecer e estimular as figuras de arte, cultura e mídia.

Em dezembro voltou a se reencontrar com seu antigo grupo musical, Jeans, fazendo uma participação especial na "90's Pop Tour", onde cantou uma canção diante 25 mil pessoas na Arena Ciudad de México e para mais de 7 mil pessoas no Auditorio Telmex em Guadalajara. No mesmo mês foi informado pelo Twitter que ela foi a terceira celebridade mais mencionada no México através da rede social, sendo a única mulher entre os dez primeiros lugares.