djohnson
djohnson

News

➻ Carreira

Em sua nova carreira, teve seu primeiro sucesso de bilheteria em 2010 com o filme The Social Network, no qual participou de uma cena com Justin Timberlake. O filme recebeu oito indicações ao Oscar, incluindo um para Melhor Filme. No ano seguinte, contracenou com Vanessa Hudgens e Alex Pettyfer em Beastly, uma visão moderna do conto A Bela e a Fera escrito e dirigido por Daniel Barnz. Ela também ganhou o primeiro papel feminino principal no filme Gay Dude (2012), escrito por Alan Yang. No mesmo ano, estreou na TV, como protagonista na série do canal FOX, Ben and Kate, que teve uma curta duração, apenas uma temporada de 16 episódios. Ela fez participação em alguns filmes como 21 Jump Street (2012) e The Five Year Engagement (2012), e teve papeis maiores em outros como Date and Switch (2014), do diretor Chris Nelson, Need For Speed (2014) de Scott Waugh, Cymbeline (2014), trabalho de Michael Almereyda e o filme de Ezna Sands, Chloe and Theo (2015).

No dia 02 de setembro de 2013, foi anunciado pela autora E. L. James em seu Twitter que Dakota seria a protagonista de Fifty Shades of Grey. Ela interpreta Anastasia Steele, e ao seu lado está Jamie Dornan, no papel de Christian Grey. As gravações começaram em dezembro do mesmo ano e o filme estreou em fevereiro de 2015, sendo um grande sucesso de bilheteria, superando a marca dos $500 milhões e foi o projeto que impulsionou a carreira da atriz. Após este filme, ela já foi confirmada para as duas sequências do best-seller, Fifty Shades Darker e Fifty Shades Freed, as quais finalizou as gravações recentemente e que estreiam em fevereiro de 2017 e fevereiro de 2018, respectivamente. Ela também estrelou em três filmes desde Fifty Shades: Black Mass (2015), do diretor Scott Cooper, A Bigger Splash (2015), projeto de Luca Guadagnino, e seu último lançamento, a comédia How to be Single (2016), do diretor Christian Ditter.

Mesmo com muitos projetos finalizados, atualmente Dakota continua com a agenda cheia, com quatro projetos para serem gravados em breve, sendo eles Under the Silver Lake com o diretor David Robert Mitchell, The Sound of Metal, de Darius Marder e Suspiria, novamente com Luca Guadagnino, todos com estreia para 2017. Ainda há uma biografia da ativista Jane Goodall a ser realizada, porém o filme ainda está sem título.

O trabalho dela em Fifty Shades of Grey e Black Mass tiveram reconhecimento, e recentemente entrou para a comissão julgadora da Academia do Oscar, ajudando a escolher indicações para a premiação anual mais importante e cobiçada do cinema mundial.

- 𝖿𝗈𝗇𝗍𝖾 𝖿𝗈𝗇𝗍𝖾
Special