charliebrownjrsz
charliebrownjrsz

badge badge

News

• Depoimento – Heitor Gomes ♫

Olá, Família Charlie Brown Jr!

Venho por este texto informar o meu desligamento do grupo.

Fui convidado a fazer parte desta banda em 2005. Realizamos muitos shows, apresentações em programas de rádio e TV, gravações de três CD’s e dois DVD’s, além de muitos momentos importantes na história do grupo. Quando comecei, foi para um propósito: o de tocar com o Chorão em um projeto dele. Mas logo veio a notícia de que iríamos assumir a banda Charlie Brown Jr.

No começo, todos sabem da dificuldade que tivemos em superar as comparações com a antiga formação, mas logo mostramos para o que estavamos e então gravamos o disco “Imunidade Musical”, que foi um sucesso com músicas como “Lutar Pelo que é Meu”, “Ela Vai Voltar” e “Senhor do Tempo” – esta premiada em 2007 como a “Melhor Música” no Prêmio Multishow.

Na sequência, fizemos o disco “Ritmo, Ritual e Responsa” e a trilha do filme “O Magnata”, com músicas como “Não Viva em Vão”, “Pontes Indestrutíveis”, “Uma Criança com Seu Olhar”, “Be Myself”, “Café Foundation” e “Sem Medo da Escuridão”, além de várias outras de muita responsa! A música “Pontes Indestrutíveis” também ganhou o Prêmio Multishow em 2008 como “Melhor Videoclipe”.

Em 2009, demos mais uma volta por cima com a gravação do álbum “Camisa 10 Joga Bola Até na Chuva”, ganhador do GRAMMY Latino de 2010 como “Melhor Álbum de Rock Brasileiro”! Ufa! Consegui! Cumpri minha missão dentro da banda Charlie Brown Jr. Saio honrado e de cabeça erguida com todas as conquistas e todo o reconhecimento pela minha dedicação, respeito, gratidão e trabalho, e logo estarei tocando nos palcos da vida, porque viver é uma arte e já me sinto muito realizado!

Obrigado demais a todos que admiram o meu jeito de tocar e interpretar a música e que me fortaleceram para chegar até aqui. Agradeço a Deus, à minha família, ao Chorão e à Graziela, meus padrinhos do rock, Thiago Castanho, aos meu amigos e a todos os fãs que sinceramente nos apoiaram em várias batalhas e conquistas!

Obrigado, Charlie Brown Jr!

- Heitor Gomes