amofelinos
amofelinos

badge badge badge badge badge

%AVATAR%

%LOGIN% %TIMESTAMP%

%COMMENT%

21 de novembro de 2020 38 views

Em uma casa em Québec, no Canadá, uma mulher chamada Lisianne estava em seu quintal em um dia de verão quando avistou uma gata preta fofa vagando nas proximidades. A gata pertencia a uma colônia de gatos de rua que vivia perto de sua residência e ela parecia com fome, então Lisi colocou uma tigela de comida e água a sua disposição.Lisianne chamou a gata de Usagi e as duas estabeleceram uma rotina: Lisianne preparava comida para a gata que a esperava, e a cada dia que passava, Usagi começou a confiar mais e mais nela. A barriga de Usagi começou a crescer e Lisianne percebeu que não era por causa de sua nova dieta.

“Com essa rotina, a senhora ganhou a confiança da gatinha”, escreveu um grupo de resgate local no Facebook, chamado Chatons Orphelins Montréal. “A gatinha deu à luz em outro lugar, mas voltava todos os dias para comer.”

Semanas se passaram e Usagi decidiu que era hora de apresentar Lisianne à sua pequena família. A gata trouxe seus bebês um por um até que todos os seis estivessem alinhados na varanda de Lisianne. Os gatinhos de 6 semanas pareciam versões em miniatura de sua mãe, e estava claro que a pequena família precisava de ajuda Lisianne persuadiu a mãe e os bebês a entrarem em sua casa e chamou o grupo de resgate Chatons Orphelins Montréal para ajudar. “A mãe e seus seis bebês estavam finalmente seguros”, informou o grupo. “[Lisianne] decidiu manter a mãe com todos os cuidados necessários e também providenciou a castração. Uma de suas amigas colocou um dos gatinhos sob sua proteção.”

Os filhotinhos são bem parecidos com a gata. 

No abrigo, a equipe de resgate descobriu que Usagi havia pedido ajuda bem na hora certa. Os demais gatinhos sofriam de conjuntivite e tinham dificuldade para respirar. O veterinário foi capaz de tratá-los e a saúde deles melhorou rapidamente. E à medida que se curavam, eles começaram a se acostumar a estar perto de humanos.

“Os bebês eram tímidos, eles precisavam de socialização”, disse o grupo. “Eles começaram a ter confiança e a sair de sua 'toca'. Os pequenos adoram se divertir juntos."

Os gatinhos foram resgatados no exato momento em que mais precisavam de atendimento veterinário.

Os cinco gatinhos restantes agora estão prontos para serem adotados e, graças à mãe carinhosa que se arriscou, eles poderão viver o resto de suas vidas com conforto.